X Games Munique: Balanço do Moto X

Matt Morning/ESPN Images

Capacidade para pilotar rpido e manter qualidade das manobras, chave para ouro de Mason.

Em razão da chuva, o Freestyle Moto X foi cancelado nos X Games Munique. Tentou-se contornar a situação excluindo os lançamentos de terra do percurso, limitando os saltos a quatro rampas e um super kicker. Apesar dos esforços, não havia condição para realizar a competição. As demais provas na esfera do freestyle motocross ocorreram: Speed & Style, Step Up e Best Whip.

Mike Mason, o homem a ser batido

Três medalhas de ouro nas últimas três participações no Speed & Style. Mike Mason venceu os X Games Los Angeles, Barcelona e Munique. Até o evento na Alemanha, era o único piloto com dois ouros na prova. Em Munique, ampliou a diferença.

Matt Morning/ESPN Images

Rpido, agressivo e determinado. Perfil de Javier Villegas, prata no Speed & Style dos X Games Munique.

Não há segredo. Rapidez, desafio das manobras e constância na execução são os atributos do ouro. Mason flui pela pista, aplica a experiência das corridas nas brigas pela liderança, e mantem a qualidade na execução das manobras, a despeito da pressão pela velocidade.

Mason emprega no Speed & Style o que tem de melhor no repertório. Manobras como underflip, mase twist e holygrab são vistos com nível equivalente às rotinas do Freestyle. É possível perceber perda na qualidade das manobras em algumas passagens dos outros competidores. Contudo, na maioria das vezes, Mason "crava" suas execuções. E se numa competição Freestyle hoje ele teria poucas chances de vitória, no Speed & Style a junção velocidade e manobras se mostra afinada e campeã.

Prata no Speed & Style, Javier Villegas foi surpresa na prova. Diferentemente do esperado, o chileno não confiou somente nas manobras. Acelerou, buscou a liderança na pista. Villegas superou Mat Rebeaud e Nate Adams em corridas acirradas, envolvendo toques e quedas. Após firmar carreira no Freestyle, Villegas surge como possível força no Speed & Style.

A consolidação do Speed & Style evidencia um ponto perdido no Freestyle: a pilotagem pura.  A contracultura às corridas nas origens do freestyle motocross privou aspectos como velocidade em trechos de costelas  e a realização de diferentes sequências de saltos (saltos duplos ou triplos). Atrativo enorme para quem aprecia a pilotagem. De volta no Speed & Style. E o melhor, aliado à plasticidade das manobras.

Podmol, a supresa

Libor Podmol superou Ronnie Renner e Matt Buyten para levar ouro no Step Up. O tcheco conquistou bronze nos X Games Foz, terminou em quarto em Barcelona, e, literalmente, saltou para o ouro em Munique. Evoluiu bastante num curto espaço de tempo.

Matt Morning/ESPN Images

Salto exponencial. A evoluo de Libor Podmol no Step dos X Games.

Em Foz pilotava uma moto 250 dois tempos, em Barcelona mudou para uma 450 quatro tempos, e a conjunção entre técnica e entendimento da prova atingiu o ápice em Munique. 

Podmol está distante da elegância de Renner ou do controle de Buyten. Quase caiu em alguns pousos, permanecendo sobre a moto por pura disposição. Justamente esta a razão pela qual a vitória do tcheco cativou tanto quem acompanhou os X Games Munique.

Stenberg, ainda o preferido

Jeremy Twitch Stenberg levou ouro no Best Whip. Em prova na qual a participação popular define o vitorioso, Twitch recebeu 66% da preferência. Edgar Torronteras levou a prata (15%) e Lance Coury o bronze (12%).  Voz do povo à parte, Torronteras impressionou com entortadas inversas e turndowns com a roda traseira emparelhada à dianteira.